top of page

OMS vai retomar testes com Hidroxicloroquina em ensaio clínico global


A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou que vai retomar os testes com a hidroxicloroquina em pacientes da covid-19, nesta quarta-feira, 3. O remédio estava temporariamente suspenso do ensaio clínico global da entidade — o projeto Solidariedade — desde o último dia 25, por precaução, mas agora voltará à ativa.

A decisão se baseia em dados recolhidos pela própria OMS, no Solidariedade, em pacientes que tomaram a hidroxicloroquina. De acordo com o Comitê de Segurança e Monitoramento de Dados do órgão, não há riscos evidentes no uso do medicamento. O projeto conta com a participação de 35 países ao redor do mundo, que já recrutaram 3,5 mil infectados pelo novo coronavírus em hospitais para testar a eficácia de possíveis tratamentos.

Com base nos dados de mortalidade disponíveis, os membros do comitê afirmaram que não há motivos para modificar o protocolo dos testes com hidroxicloroquina. O Grupo Executivo endossou a continuidade e vai comunicar a decisão aos principais pesquisadores do Solidariedade. O comitê continuará monitorando de perto a segurança de todos os tratamentos testados no ensaio clínico“, disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus.

Além da hidroxicloroquina, outras três drogas são analisadas pelo Solidariedade como alternativas para combater a covid-19: o remdesivir (usado no tratamento do ebola), o lopinavir/ritonavir (HIV) e o interferon beta-1a (esclerose múltipla).

Na suspensão temporária da hidroxicloroquina, de semana passada, a interrupção se apoiava um estudo externo, publicado na revista científica The Lancet, que alertou para os riscos de arritmia cardíaca em pacientes.

Terra

1 visualização0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
2024-02-wn-camapanha-qualquer-plano-39-99-BANNER-02.png
bottom of page